Eu sempre achei muito importante desenvolver uma boa leitura rítmica. Principalmente quando nos deparamos com grande parte das obras musicais do Séc. XX e XXI, cujas divisões rítmicas chegam a beirar o impossível. Por isso, nos dois anos em que fui professor de Percepção na Escola de Música da UFBA, eu procurei dar bastante atenção à essa competência musical.

Aqui eu disponibilizei alguns exercícios que espero serem úteis para vocês, curiosos. Entre eles estão padrões de leitura melódica sobre uma escala diatônica, exercícios de divisão rítimica, solfejo, etc… É importante observar que eles não estão em ordem crescente de dificuldade, e sim de forma aleatória.

Exercício 1 – Leitura de uma mesma divisão rítmica em métricas diferentes.

Exercício 2 – Brincadeira rítmica.

Exercício 3 – Sequências melódicas.

Exercício 4 – Mudança de compasso.